Com certificação de motor, Dassault Falcon 6X está mais próximo de entrar em serviço

Guilherme Dotto

Após a aprovação da Transport Canada do mais recente membro da família PW800 de motores de alta eficiência da empresa, que aciona o novo Falcon 6X de fusela, o presidente e CEO da Dassault Aviation, Eric Trappier, parabenizou a Pratt & Whitney Canada pela importante conquista.

O motor equipa as três aeronaves Falcon 6X atualmente em voos de teste. A campanha de teste de aeronaves acumulou mais de 500 horas de teste em voos e 150 voos até o momento. Os pilotos de teste elogiaram o manuseio suave da aeronave, que continua a fazer progresso constante em direção à certificação planejada para o final de 2022.

Continua após a publicidade

“O motor PW812D da Pratt & Whitney Canada é um grande passo à frente na eficiência de combustível, facilidade de manutenção e desempenho, e ajudará a tornar o 6X uma aeronave verdadeiramente notável.”

disse Trappier.

Uma aeronave de produção inicial com uma cabine totalmente equipada logo se juntará ao programa de desenvolvimento. Esta aeronave fará um tour global para avaliar o seu desempenho e do seu sistema no mundo real da aviação executiva, incluindo a operação em locais remotos e outros ambientes desafiadores.

No mês passado, uma aeronave de teste de voo Falcon 6X pousou no Aeroporto Paris-Le Bourget, onde se tornou uma das primeiras aeronaves a reabastecer em campo usando uma mistura de combustível de aviação sustentável, fornecida pela TotalEnergies.

A Dassault Aviation continuará a usar SAF no programa de teste como parte do esforço contínuo da empresa para minimizar sua pegada de CO2.

O motor PW812D, de 13.500 libras de empuxo, proporcionará ao Falcon 6X um alcance de até 5.500 nm (10.200 km) e uma velocidade máxima de Mach 0,90.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário