Salvador Bahia Airport expõe obras que levam passageiros por “viagem” pela arte baiana

Guilherme Dotto
Crédito: Will Recarey

O Salvador Bahia Airport, integrante da rede VINCI Airports, está proporcionando aos passageiros uma experiência única: uma viagem através da arte baiana, através da riqueza da cultura baiana está presente nas mais diversas manifestações artísticas, que mistura de cores, estilos, sabores e crenças é uma característica única que deixa sua marca.

Na área de check-in os viajantes são recepcionados pela exuberante “Gordinha” Salomé, obra de Eliana Kertész. Num local de destaque, no segundo pavimento próximo à entrada do embarque, é possível encontrar o painel “Manifestações Culturais”, do pintor Carybé.

Continua após a publicidade

A parede com um mosaico colorido de Glauco Rodrigues, na área de embarque, também ganhou mais visibilidade após a reforma do terminal de passageiros. No corredor de acesso ao Píer Sul, ainda há a exposição Traços e Olhares, com fotos de Will Recarey e gravuras de Elano Passos, numa parede com o skyline da cidade. 

Todos os aeroportos da rede VINCI Airports têm como característica refletir de diferentes formas a cultura e a natureza do lugar em que estão inseridos. Graças à adoção do Sense of Place (Senso de regionalidade) pela operadora, o Aeroporto de Salvador passou a ter “a cara da Bahia”. Assim, se transformou em um lugar único e que transmite todo o axé que essa terra tem.

Crédito: Will Recarey

“A Bahia é um celeiro cultural de valor incalculável. Nada mais justo que homenagear toda essa riqueza através dos nossos artistas locais. Quem mora aqui e está retornando, já se sente em casa ao desembarcar. Ao mesmo tempo que os turistas certamente terão muitas memórias boas para levar dessa experiência.”

afirma Daniela Franco, gerente de Comunicação do Salvador Bahia Airport.

Além das obras em exibição permanente, o aeroporto já foi palco de diversas exposições temporárias, como foi o caso da Femina Aurea, de autoria de fotógrafos baianos, que colocou em evidência a beleza de mulheres com deficiência.  Outras mostras que já ocuparam o espaço foram: Afroconexão, Adereços e Luxos do Axé, CowParade Brasil e Conexões Fotográficas. Já o projeto Arte no Ar reuniu os artistas plásticos Elano Passos, Alexandre Feliciano e Ronald Lago numa iniciativa que reciclou os tapumes usados para isolar locais em obra, transformando-os em telas. 

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário