Qatar planeja voos com 747-8 cargo para o Brasil, primeira vez na América Latina

Guilherme Dotto
Últimos posts por Guilherme Dotto (exibir todos)

A Qatar Airways, companhia aérea de bandeira do Catar, realizará no mês de novembro duas operações cargueiras com o Boeing 747-8F para o Aeroporto Internacional de Viracopos (VCP), em Campinas.

Os Jumbos da companhia catarense, deverão pousar no aeroporto brasileiro nos dias 14 e 15 de novembro, cumprindo voos diretos procedentes do Aeroporto Internacional de Luxemburgo (LUX). Confira abaixo o horário solicitado para as operações do gigante quadrimotor para maior centro de carga aérea na América do Sul, lembrando que podem haver mudanças sem aviso prévio.

Continua após a publicidade
  • 14/11/2021
OrigemHorário da decolagemDestinoHorário do pouso
Luxemburgo (LUX)00:25Viracopos (VCP)06:35
Viracopos (VCP)22:45Acra (ACC)08h45
  • 15/11/2021
Origem Horário da decolagemDestino Horário do pouso
Luxemburgo (LUX)13:05 Viracopos (VCP)19:40

O horário da decolagem do quadrimotor no dia 15 de novembro ainda depende de confirmação.

Atualmente, a Qatar Airways possui dois Boeing 747-8F, matriculados como A7-BGA e A7-BGB, que operam em rotas entre Europa e Ásia, sendo mais presente em Luxemburgo (LUX), Frankfurt (FRA) e Incheon (ICN). Durante a pandemia, a aeronave realizou diversos voos para a China.

Nenhum dos dois quadrimotores, novos na época, eram encomendas originais da Qatar, porém, visando ampliar sua capacidade de carga, a companhia decidiu pela encomenda dos jatos, que estavam estocados no deserto. A entrega da primeira unidade encomendada pela empresa ocorreu em setembro de 2017.

Estas serão as primeiras operações do 747 da Qatar nas América Latina. No último mês, o quadrimotor realizou um voo para os Estados Unidos, transportando materiais para a Moto GP.

Foto: Airlinegeeks

Curiosidade

Antes de voar pela Qatar Airways com a matrícula A7-BGA, o gigante B747 foi pintado pela própria Boeing em 2014 com as cores do Seattle Seahawks, equipe de futebol americano, comemorando o Campeonato da Conferência Nacional de Futebol do time e sua próxima aparição no Super Bowl XLVIII.

O jato que na época voava com a matrícula N770BA, possuía o logotipo do Seahawks em sua fuselagem e também um “12” na cauda, ​​que é a ponta do chapéu para os imponentes fãs da casa que transformam o estádio do time em um “décimo segundo homem” em dias de jogo.

Foto: Andre Nordheim © Planespotters.net
Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário