Novo ATR da Hokkaido Air System é entregue utilizando combustível sustentável

Guilherme Dotto
Últimos posts por Guilherme Dotto (exibir todos)

Nesta quarta-feira (29), o mais recente ATR 42-600 da Hokkaido Air System iniciou seu traslado até o Japão, usando o combustível sustentável de aviação (SAF), para a primeira etapa de seu longo voo.

Durante seus testes nas instalações da fabricante, o pequeno ATR recebeu as matrículas F-WWLF e F-WNUC. Já em sua nova operadora, o turboélice voará com as cores da aliança One World e a matrícula JA13HC.

Continua após a publicidade

O ATR provou ser bem-sucedido em conectar comunidades em todo o arquipélago japonês, graças à sua eficácia na decolagem e aterrissagem em pistas curtas. Este é o terceiro ATR 42-600 que a companhia aérea recebe desde sua primeira entrega em dezembro de 2019 e se torna o 14º ATR -600 a operar no Japão.

Outra razão para o sucesso da aeronave no Japão é sua eficiência de queima de combustível em um país que é extremamente diligente na redução de suas emissões de dióxido de carbono. As aeronaves ATR queimam até 40% menos combustível do que um jato regional de tamanho semelhante e, portanto, emitem até 40% menos CO2.

Outras economias de emissão são possíveis abastecendo a aeronave com combustível sustentável de aviação (SAF). A ATR anunciou também um projeto para voar uma aeronave abastecida com 100% SAF. Um voo de demonstração está planejado para a primavera de 2022 com uma meta de 2025 para a possibilidade de usar 100% SAF em voos comerciais ATR.

Confira o vídeo da pintura da aeronave:

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário