Durante a alta temporada de Verão, Azul operará 14 novas rotas no Paraná

Guilherme Dotto
Últimos posts por Guilherme Dotto (exibir todos)

Na última quinta-feira (16), a Azul Linhas Aéreas anunciou sua malha com voos inéditos que conectarão cidades paranaenses a 14 novas rotas em todo o país durante a alta temporada de verão de 2021, que promete ser uma das mais movimentadas dos últimos tempos.

Com isso, Curitiba passa a contar com três novos destinos para quem quiser viajar do Aeroporto Afonso Pena: Porto Seguro, Maceió e Natal, três dos mais procurados e famosos paraísos à beira-mar da costa nordestina. A capital paranaense terá ainda mais opções de voos para Campinas (SP) e Campo Grande (MS). 

Partindo de Londrina, será possível voar para Navegantes e Cuiabá. A cidade de Maringá também passa a contar com conexões para a capital matogrossense, Navegantes, Rondonópolis e Porto Seguro.

Continua após a publicidade

Foz do Iguaçu, importante destino turístico do Brasil, que já recebe voos da companhia provenientes de Campinas, Curitiba, Florianópolis e Porto Alegre, terá incrementos de frequências inéditas, durante a alta temporada, para Confins, Cuiabá, Porto Seguro, Navegantes e Salvador.

“Estamos nos preparando para um período de retomada importante na tradicional alta temporada de fim de ano. Com essa nova malha, o Paraná ficará ainda mais conectado com outras regiões do país pela Azul, com ligações diretas, inclusive, para três dos balneários mais visados nas férias de Verão do litoral nordestino. A procura aumenta nos meses de dezembro e janeiro pelo desejo das pessoas de aproveitar as férias, reencontrar parentes e amigos já vacinados e relaxar nos merecidos dias de folga, então fazemos um movimento de reorganizar nossa malha de modo a atender melhor esses anseios e de trazer mais conveniência ao nosso Cliente.“

disse Vitor Silva, gerente de planejamento de malha da Azul.

Confira abaixo o cronograma das operações de alta temporada da Azul.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário