Lufthansa acena para o retorno do 747-400 aos céus

Gabriel Benevides

Sem dúvidas, a crise do coronavírus alterou de maneira drástica toda a cadeia da indústria aeronáutica, fazendo com que icônicas aeronaves, em especial, os quadrijatos, fossem retirados de cena para dar lugar a aeronaves mais eficientes e de última geração. 

Conforme o avanço da pandemia, muitos operadores do Boeing 747, Airbus A340 e o A380, não tiveram outra escolha, a não ser aposentar diversos exemplares prematuramente, que aliás, findou o fim da produção do A380 antes do previsto. 

Continua após a publicidade

Entretanto, na contramão dessa lógica, parece que a Lufthansa está disposta a reativar um dos quadrijatos mais icônicos da história da aviação: o Boeing 747-400, avião que não realiza nenhuma operação pela companhia alemã desde abril do ano passado, além do A340-600, outra aeronave que foi bastante impactada pela pandemia e está cada vez mais difícil ver a sua operação regular com passageiros por conta dos custos operacionais onerosos.

Segundo informações do portal Simple Flying, a Lufthansa está planejando reativar oito unidades do 747-400 para realizar operações em setembro, aumentando gradualmente o seu uso até dezembro, onde a Rainha dos Céus realizará operações diárias em 10 rotas, totalizando cerca de 620 voos no último mês de 2021. 

Com os planos de operar o 747-400 até 2023, onde serão aposentados pelo 777-9, avião que sofre com inúmeros atrasos em seu programa, o Jumbo deverá cumprir em um primeiro momento, voos para Toronto, Washington, Dallas, Mumbai e Bangalore.

Vale ressaltar que, até o final do ano, a Lufthansa poderá realizar mais alterações em sua malha, podendo impactar diretamente nas operações do Boeing 747, tendo inclusive, a possibilidade da série -400 aparecer no Brasil, país que historicamente, contou bastante com a presença da Rainha dos Céus nos aeroportos de Guarulhos (SP) e, no Galeão (RJ). 

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário