Malaysia Airlines adia entregas de encomendas do Boeing 737 MAX

A companhia Malaysia Airlines anunciou na última terça-feira, 4, que chegou em um acordo com a Boeing para adiar as entregas dos jatos Boeing 737 MAX encomendados. O pedido de 25 unidades foi mantido junto a fabricante norte-americana.

Com isso, a empresa concordou com a Boeing em receber seus pedidos a partir do ano de 2024, ao longo de um período de três a quatro anos, disse o CEO do grupo, Izham Ismail, durante coletiva de imprensa virtual, conforme relatado pela Reuters.

Continua após a publicidade

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

“Estamos comprometidos em aceitar a entrega do MAX em 2024, mas também estamos explorando a possibilidade de recebê-lo mais cedo”, disse Izham Ismail. O executivo ainda acrescentou que espera que os problemas relacionados ao 737 MAX sejam resolvidos até lá.

Ademais, as entregas dos jatos Boeing 737 MAX da Malaysia estavam inicialmente programadas para começar em julho do ano passado. A empresa suspendeu oficialmente as entregas de seus pedidos do MAX em janeiro de 2020, algo que não foi considerado incomum, já que o modelo estevava aterrado.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário