Grupo LATAM planeja operar 21 Boeing 767 cargueiros até 2023

O Grupo LATAM anunciou nesta terça-feira (18) que planeja expandir sua frota de aviões cargueiros até 2023. De acordo com a companhia, a expectativa é incorporar de forma gradativa 10 Boeing 767-300 Boeing Converted Freighters nos próximos três anos, completando assim uma frota de 21 Boeing 767F.

“A decisão de expandir a frota está baseada nas atrativas oportunidades de crescimento, nos ganhos de eficiência que serão alcançados e na flexibilidade oferecida pelo Boeing 767F. Com isso, será possível crescer com rentabilidade, inclusive em cenários semelhantes aos enfrentados antes da pandemia”, disse Andrés Bianchi, CEO da LATAM Cargo.

Continua após a publicidade

A princípio, o plano de crescimento da frota cargueira contemplava quatro aviões já confirmados com a Boeing e mais quatro opções de conversão. Dois meses após o anúncio, a LATAM ratificou a aquisição das oito aeronaves e anunciou a conversão de mais dois Boeing 767-300ERs adicionais.

Atualmente, o Grupo LATAM possui 11 Boeing 767 em operação, sendo três unidades voando pela filial brasileira, duas pela chilena e seis pela colombiana. Enquanto as novas aeronaves não chegam, a companhia pretende utilizar alguns B767 que aguardam para serem convertidos em um formato híbrido. Para isso, os assentos da cabine de três aeronaves serão totalmente removidos, para atingir uma carga útil de até 46 toneladas por voo.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta