GOL volta a operar com todos os 737 MAX da frota

No mês de abril, a Federal Aviation Administration (FAA) dos Estados Unidos determinou que companhias aéreas operadoras do Boeing 737 MAX 8 suspendessem a operação com o avião até que um possível problema elétrico fosse resolvido.

Em parceria com a Boeing, as companhias identificaram que apenas algumas unidades precisariam parar para modificações mandatórias demandadas pela agência de aviação civil norte-americana. No Brasil, apenas um MAX da GOL foi afetado e, de acordo com a empresa brasileira, a aeronave já se encontra operacional após passar por um rigoroso processo de manutenção. Com isso, a GOL volta a contar com suas oito unidades do 737 MAX para a realização de voos comerciais.

Continua após a publicidade

A equipe de engenharia da GOL acompanhou desde o início o processo de certificação junto à liderança técnica da fabricante norte-americana e toda incorporação da modificação foi acompanhada presencialmente pelos inspetores de qualidade e auditores do Departamento de Segurança Operacional da GOL.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário