Air Transat receberá ajuda financeira do governo canadense

Guilherme Dotto

A Air Transat, empresa canadense de baixo custo com sede em Montreal, chegou a um acordo com o governo do país para que seja providenciada uma ajuda financeira de até US$ 570 milhões de caixa adicional no âmbito do Mecanismo de Financiamento de Emergência para Grandes Empregadores (LEEFF).

Com o valor concedido pelo governo do Canadá, a companhia reembolsará os clientes que tiveram seus voos cancelados devido à pandemia e suas restrições.

Continua após a publicidade

“Com esse apoio, esperamos retomar as operações assim que uma viagem segura seja possível e as restrições de viagem possam ser suspensas. Além disso, com recursos obtidos, também nos permitirão reembolsar nossos clientes cujas viagens tiveram que ser canceladas devido à pandemia em condições sustentáveis ​​para a empresa, que saudamos.”

Anunciou Jean-Marc Eustache, presidente e CEO da Air Transat.

Em abril, a Air Canada, maior concorrente da Air Transat, também entrou em um acordo com o governo canadense para receber assistência financeira de até US$ 4,6 bilhões. Já a Westjet, outra companhia aérea canadense de baixo custo, não recebeu apoio financeiro do governo do Canadá.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta