United Airlines registra prejuízo bilionário no primeiro trimestre de 2021

Foto por Bill Wang © via Jetphotos.

A companhia aérea norte-americana United Airlines continua sofrendo fortemente com os impactos causados pela pandemia, tendo registrado prejuízo alto no início deste ano.

Com isso, a empresa registrou um prejuízo líquido de US $ 1,4 bilhão no primeiro trimestre deste ano de 2021, conforme anunciou na segunda-feira, 19, após o fechamento da bolsa de valores americana em Chicago.

Continua após a publicidade

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

Com uma queima de caixa média no primeiro trimestre de US $ 9 milhões por dia, ao todo, a companhia aérea encerrou o período com liquidez disponível de US $ 21 bilhões.

A queima de caixa média diária, apesar de ser um valor alto, apresentou uma leve melhora em relação ao quarto trimestre do ano anterior, que era de US $ 10 milhões. Ademais, a companhia voltou a ter um fluxo de caixa positivo no mês de março, com o aumento gradual da demanda pelo transporte aéreo nos Estados Unidos.

“A equipe United passou um ano enfrentando a crise mais perturbadora que nosso setor já enfrentou e, por causa de sua habilidade e dedicação aos nossos clientes, estamos prontos para sair desta pandemia com um futuro mais brilhante do que nunca”, afirmou o CEO da companhia, Scott Kirby.

Veja também:

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta