Turkish Airlines cancela encomendas do Boeing 737 MAX

Foto por Ömür Sadikoglu © via Jetphotos.

A transportadora de bandeira turca Turkish Airlines, alterou seu pedido de aeronaves modelo 737 MAX junto à fabricante norte-americana Boeing. Incialmente, era previsto o recebimento de 75 unidades.

Em um comunicado, a companhia informou que decidiu cancelar a encomenda de dez unidades do modelo e revisar sua frota devido à desaceleração da aviação, em decorrência da pandemia de coronavírus.

Continua após a publicidade

Com isso, a Turkish reduziu substancialmente sua carteira de pedidos do 737 MAX. Contando atualmente com 12 unidades do jato, a transportadora retomou suas atividades com o modelo na última quinta-feira, 15 de abril.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

Além do cancelamento de dez unidades do Boeing 737 MAX, outras 40 entregas do modelo serão agora transformadas em “opções exercíveis” até 21 de dezembro deste ano, fazendo com que o pedido inicial passe de 75 para apenas 25 jatos.

Até o presente momento, a Turkish Airlines recebeu 11 aeronaves 737 MAX 8 e um único 737 MAX 9. Ademais, os 13 jatos futuros também sofrerão alterações, com o adiamento das entregas a depender das condições operacionais e financeiras de capacidade.

Veja também:

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário