Após encerrar operações, Air Namibia é colocada em liquidação

Foto por William Vignes © via Jetphotos.

 No último dia 11 de fevereiro, a Air Namibia todas as suas operações. Em anúncio nas redes sociais, a companhia aérea africana informou que todos os voos seriam cancelados e as aeronaves groundeadas.

Segundo o Ministro da Finanças, Iipumbu Shiimi, ao longo dos últimos 10 anos o Governo da Namíbia gastou cerca de 565 milhões de dólares para salvar a companhia deficitária. “Foi um modelo de negócios falho desde o início, onde 15 de suas 19 rotas não eram lucrativas.”, completou.

Continua após a publicidade

Em consequência, a Air Namibia foi colocada em liquidação provisória pelo Tribunal Superior da Namíbia em Windhoek, capital do país, após um pedido urgente da Namibian Airports Company (NAC).

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

A estatal NAC, é um dos maiores credores da companhia aérea, a qual possui uma dívida equivalente a US $ 46,5 milhões, referente a taxas de serviços aeronáuticos e de assistência em terra, além de aluguel em vários aeródromos de todo o país.

Em Janeiro deste ano, mais uma negociação foi realizada para quitar 11,9 milhões em dívidas totais. No entanto, o governo disse que não tinha condições de resgatar a companhia aérea mais uma vez.

Além da NAC, seu maior passivo é de US $166 milhões, referentes a devolução de dois jatos Airbus A330-200 para Castlelake, após quebra de contrato de arrendamento das aeronaves que só terminaria em 2025.

Veja também:

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário