Aeroporto de Confins recebe certificação internacional de saúde

A pandemia exigiu uma maior preocupação com a higiene, à nível mundial, e nos aeroportos não foi diferente. Devido à grande circulação de pessoas vindas de diversas regiões, o cuidado com a limpeza nesses ambientes teve que ser redobrado.

Nesse sentido, o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte (CNF) acaba de ser certificado pela Airport Council International (ACI) com o Credenciamento de Saúde Aeroportuária. Para isso, a entidade verificou as medidas de saúde adotadas para promover a segurança de toda a comunidade aeroportuária.    

Continua após a publicidade

A certificação foi concedida após avaliação criteriosa de todas as ações realizadas pelo aeroporto desde o início da pandemia. Dessa forma, ficou constatado que o aeroporto fornece um ambiente seguro para todos os viajantes, de acordo com as medidas de saúde recomendadas pela ACI, ICAO ANAC e Anvisa.

Esteja Informado: Clique Aqui e leia mais notícias de Aviação!

“O aeroporto sempre adotou as melhores práticas para prevenção do coronavírus e para garantir a saúde e segurança de todos que passam por aqui. A conquista dessa certificação é um reconhecimento importante em um momento tão delicado vivido pelo país. Isso foi possível graças ao empenho de todo o time e ao apoio dos órgãos de saúde que sempre nos auxiliaram na manutenção de um ambiente seguro para todos.”, ressalta Kleber Meira, CEO da BH Airport. 

Ademais, dispensers de álcool em gel, barreiras de proteção nos locais de atendimento aos usuários e adesivos informativos para piso, assentos, banheiros e elevadores auxiliam na prevenção dos passageiros. Além disso, uma equipe foi capacitada pelo Exército para atuar na descontaminação e higienização de áreas de grande circulação.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta