Thai Airways nega rumores sobre compra de novas aeronaves

Foto: Pawarin Prapukdee

A companhia de bandeira tailandesa Thai Airways, após diversos rumores, negou planejar a compra de 30 aeronaves até o final de 2025. De acordo com o presidente da empresa, Chasin Treenuchagron, caso a demanda por voos aumentasse, seria considerado primeiro uma opção de aluguel de aviões.

Durante entrevista ao portal The Nation, da Tailândia, Treenuchagron destacou que a Thai Airways não apresentaria nenhum plano de compra de novas aeronaves.

Continua após a publicidade

“Há um boato de que a THAI apresentaria um plano de compra de novos aviões junto com o plano de reabilitação de negócios da empresa ao Tribunal Central de Falências em 2 de março, mas isso não é verdade”, destacou o presidente da companhia, Chasin Treenuchagron.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de Aviação!

Ainda de acordo com o presidente, nos próximos cinco anos, a empresa pretende reduzir o tamanho de sua frota, como já vem concretizando, colocando à venda 18 aeronaves Boeing 777, dez 747’s, dois Boeing 737-400, nove Airbus A340, dois Airbus A380 e um A300-600.

Ademais, a intenção é reduzir o custo de manutenção ao nível necessário, além de encontrar novas fontes de receita e aumentar a eficiência administrativa de acordo com a atual demanda do mercado.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta