Governo da África do Sul realiza aporte para salvar a SAA

Últimos posts por Raphael Magalhães (exibir todos)

Após uma série de negociações, entraves e discussões com sindicatos, o Governo da África do Sul realizou mais um aporte na South African Airways (SAA). A companhia aérea estatal se arrasta no processo de recuperação desde o fim de 2019.

Em diversas ocasiões, o Ministério das Empresas Públicas fez questão de reiterar a grande quantidade de dinheiro público investido na companhia aérea. Apesar de não registrar lucro desde 2011, e indo contra ao que se esperava, em anúncio realizado hoje (16), a companhia aérea sul-africana recebeu mais 342 milhões de dólares.

Continua após a publicidade

Dessa forma, o dinheiro investido pelo Governo Federal integra um pacote de ajuda para salvar a companhia aérea. Segundo o próprio Ministério, esse foi o segundo aporte realizado nesse mês, após o depósito de 190 milhões de dólares no último dia 12/02.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de Aviação!

Uma parte considerável desse montante está sendo destinado a pagar os funcionários demitidos no último ano, que somam mais de 3.200 pessoas. Esse valores estão previstos no plano de reestruturação da South African, que será bem menor do que antes, visando finalmente rentabilizar as operações.

Entretanto, há quem diga que a companhia aérea nunca será rentável, apenas “sugando” dinheiro da máquina pública. Por enquanto, a SAA continua sem voar, o que deve ocorre quando as dívidas da empresa forem quitadas e o turismo ganhar ritmo no país.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário