HiFly quer aposentar seu único Airbus A380

Foto por Colin Hines via Airliners.net

Devido a pandemia, a vida dos gigantes quadrijatos foi reduzida drásticamente. Diversas companhias, principalmente as europeias, decidiram seguir um caminho. Aposentar seus Boeing 747, Airbus A340 e até o maior símbolo de orgulho do continente, o Airbus A380.

Não foi diferente para o grupo português HiFly. Depois de operar dois anos pela companhia, o seu único superjumbo poderá deixar os céus. O 9H-MIP, operou primeiramente pela Singapore Airlines, entre 2008 e 2018, quando foi repassado para a HiFly.

Continua após a publicidade

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

De acordo com a companhia, a expecativa é que o único A380 da sua frota, seja retirado quando terminar seu cotrato de leasing que tem duração de três anos. Portanto, ano que vem poderá ser o último ano do 9H-MIP em sua frota.

O superjumbo teve papel muito importante nestes dois anos de operação na Europa. No ano passado, quando o grupo de agências de viagens, Thomas Cook declarou falência, o 9H-MIP foi um dos responsáveis pela maior operação de resgate de britânicos desde a segunda guerra mundial (clique aqui para saber mais).

Durante a pandemia, também realizou diversos voos de repatriação na Europa. Entretanto, a HiFly enxergou uma grande oportunidade, transformá-lo no primeiro A380 cargueiro. Quando retirou suas poltronas para utilizar todo o espaço para acomodação de mais caixas.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta