Falece o primeiro controlador de tráfego aéreo do Brasil, Francisco Drezza

Na data de ontem (10), faleceu em Alphaville (SP), o primeiro controlador de tráfego aéreo do Brasil, Francisco Drezza. O comunicado foi enviado pela própria Força Aérea Brasileira (FAB) através do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA).

Francisco Drezza, foi formado na Escola Técnica de Aviação (ETAv) em 1945, participando assim da primeira turma de controladores de tráfego aéreo do Brasil. “Eu era um caipira de Jundiaí. Saiu a programação para inscrição na ETAv. Como eu já era mecânico, então eu queria ser mecânico. Mas no exame psicotécnico da Aeronáutica, me disseram que eu devia ser controlador de voo, mas ninguém sabia sobre isso, nem os pilotos”. Declarou Drezza em vídeo produzido pelo DECEA.

Continua após a publicidade

“Nós éramos os principais combatidos pelos próprios pilotos. Era como um desrespeito o terceiro sargento dar ordem aos pilotos. Éramos combatidos. Quando entramos era uma briga, entre nós e eles”.

Sempre prezando pela excelência no cumprimento de sua missão, Drezza sempre foi – e sempre será – um exemplo para todos os Controladores. Foi considerado um dos fundadores da Torre do Aeroporto de Congonhas. Seu olhar atento e seu profundo conhecimento permitiram que participasse da confecção das primeiras Cartas de Navegação Aérea do Controle de Aproximação de São Paulo. Informou o DECEA.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta