Etihad Airways não voará o gigante Airbus A380 por tempo indeterminado

Definitivamente o ano de 2020 vai ficar marcado na história da aviação. A pandemia mudou a dinâmica do mercado de maneira abrupta. Companhias aéreas nos quatro cantos do planeta tiveram que se adaptar à nova realidade para garantir sua sobrevivência à longo prazo.

Com isso, a Etihad Airways, companhia com sede em Abu Dhabi, decidiu que manterá sua frota de Airbus A380 sem voar por tempo indeterminado. Junto a isso, a empresa também alertou aos seus tripulantes de cabine, em um memorando interno, que o efetivo será reduzido em breve.

Continua após a publicidade

Atualmente, a companhia conta com 10 unidades do quadrijato da Airbus, que possuem idade média de 5.3 anos. O primeiro, foi recebido em dezembro de 2014, com a última unidade entregue em maio de 2017.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

Estando fora de serviço desde março, os gigantes A380 da Etihad deverão permanecer armazenados, principalmente em Abu Dhabi, até que a companhia decida o que será feito dos jatos.

Aposentadorias pelo mundo

Um pouco longe do oriente médio, no continente europeu, duas operadoras já se despediram de forma definitiva do modelo, tendo como um dos principais motivos a atual crise sanitária enfrentada mundialmente.

A primeira a anunciar a aposentadora do jato foi a Air France, que já tinha planos para aposentadoria dos superjumbos, porém, devido a pandemia, a empresa viu a necessidade de retirar imediatamente seus 10 aviões de operação.

Após a companhia francesa, a alemã Lufthansa decidiu que também não voará mais com suas 8 unidades restantes do modelo. Ao todo, a frota de Airbus A380 da empresa era composta por 14 unidades, sendo que 6 já haviam sido retiradas anteriormente.

Ademais, além da Air France e Lufthansa, a companhia charter portuguesa Hifly anunciou que poderá aposentar seu quadrijato após o fim do contrato de leasing, conforme noticiado pelo Contato Radar (clique aqui para saber mais).

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta