KLM estuda antecipar aposentadoria de seus A330

Foto: Perry Hoppe

Em meio à crise causada pela pandemia, a KLM cogita retirar de operação toda a sua frota de Airbus A330 nos próximos meses. Inicialmente, a companhia holandesa planejava aposentar os jatos franceses apenas em 2025.

De acordo com o CEO da KLM, Pieter Elbers, a companhia já negocia com as empresas de leasing o fim das operações das aeronaves. A frota atual da empresa conta com 13 A330, sendo oito unidades do modelo -200 e cinco unidades do modelo -300.

Continua após a publicidade

Apesar do grande impacto sentido pelo setor da aviação, o executivo crê que a reconsolidação do mercado ocorrerá em breve, mas dependerá da sinergia entre as empresas. “Todas as grandes crises do setor levaram a uma consolidação ainda maior. Portanto, acredito que o mundo pós-pandemia também levaria a uma maior consolidação na indústria. A trajetória de recuperação massiva exigirá também mais colaboração entre as várias operadoras, a fim de garantir a otimização de nossos ativos”, destaca.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta