ExpressJet, subsidiária da United, encerra operações

Foto: SpotterPowwwiii

No meio do ano, em decorrência da crise causada pela pandemia, a United cogitou o encerramento das operações de uma das seis subsidiárias regionais que voam com a marca da United Express.

Nesse sentido, o que era apenas uma ideia virou realidade. Em agosto foi decidido que a subsidiária ExpressJet encerraria as operações no mês seguinte, com o último voo programado para o dia 30 na rota Memphis (MEM) – Houston (IAH).

Continua após a publicidade

Com o fim da subsidiária, cerca de 3 mil colaboradores foram desligados e caberá a CommutAir, outra operadora United Express, assumir as rotas e aeronaves da ExpressJet.

Antes da crise, a ExpressJet planejava operar mais 36 novas aeronaves até o fim de 2021, além de contratar mais pilotos. Segundo o site Planespotters, a frota da companhia era composta por 56 aeronaves da Embraer, modelo 145.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta