Jet Airways pode voltar a voar no primeiro semestre de 2021

Após diversas dificuldades financeiras, a companhia de bandeira indiana está sem operar desde o primeiro semestre de 2019. Na última semana, a empresa foi adquirida pelo consórcio Kalrock Capital-Jalan, dos Emirados Árabes Unidos.

Com isso, os novos proprietários da Jet Airways querem reiniciar as operações o mais rápido possível, potencialmente dentro de quatro a seis meses, usando uma frota padronizada e focando rotas domésticas, comunicou um membro do grupo proprietário da companhia.

Continua após a publicidade

Queremos reiniciar a Jet Airways assim que nos for permitido. Começaremos com voos domésticos com um único tipo de avião, em uma primeira fase. Na segunda fase, planejamos ter voos internacionais com aeronaves adequadas.

Disse Manoj N Madnani, membro do Consórcio Kalrock Capital-Jalan.

Dessa forma, os novos investidores prometeram injetar $10 bilhões de rúpias, equivalente a 135,6 milhões de dólares em financiamentos na companhia aérea. O grupo espera evitar os problemas que levaram ao colapso da transportadora em abril de 2019, com grande quantidade de dívidas.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta