Obras no aeroporto de Congonhas são concluídas

Últimos posts por Gabriel Araújo (exibir todos)

32 dias após o início das obras na pista principal do aeroporto de Congonhas (CGH), a Infraero concluiu a reforma e liberou a mesma para pousos e decolagens.

Apesar da liberação, as aeronaves só poderão operar novamente na pista principal (17R/35L) a partir do próximo domingo (6). A primeira operação programada é o pouso de um A319 da LATAM, procedente de Confins (CNF) no voo TAM3009.

“A equipe de Engenharia e Operações da Infraero demonstrou sua capacidade de fazer uma grande obra no segundo maior aeroporto do País em número de  passageiros. Isso mostra a capacidade que a empresa tem para conceber e executar projetos em aeroportos complexos como Congonhas e Santos Dumont ou em terminais de menor porte, como os que atendem a aviação regional”, avalia o presidente da Infraero, Brigadeiro Paes de Barros.

Segundo a empresa, foram feitas a fresagem do revestimento asfáltico antigo, a execução de camada estrutural de concreto asfáltico (CBUQ) com grooving na região das cabeceiras; e aplicação de camada superficial porosa de atrito (CPA), bem como a sinalização horizontal. Ao todo, R$ 11,5 milhões foram investidos na nova pista.

Durante as obras, GOL e LATAM transferiram temporariamente suas operações para Guarulhos (GRU), enquanto Azul e VoePass puderam operar na pista auxiliar de CGH (17L/35R) com seus ATR 72.

Estivemos presentes nos voos da Ponte Aérea realizados pelos turboélices da Azul e VoePass. Confira nosso Flight Report!

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta