KLM e Universidade de Delft realizam primeiro voo do ‘avião do futuro’

A KLM e a Universidade de Tecnologia de Delft concluíram com sucesso o primeiro voo do Flying-V, o “avião do futuro”. O voo aconteceu em uma base aérea na Alemanha utilizando um modelo em escala menor do projeto.

O Flying-V foi apresentado durante o encontro IATA 2019, e após diversos testes em túnel de vento e em solo, o avião do futuro estava pronto. A KLM disponibilizou um vídeo do primeiro voo do modelo.

“Estávamos muito curiosos sobre as características de voo do Flying-V. O design se encaixa em nossa iniciativa Fly Responsably, que representa tudo o que estamos fazendo e faremos para melhorar nossa sustentabilidade. Queremos um futuro sustentável para a aviação e a inovação faz parte disso. A KLM está entre as três companhias aéreas mais sustentáveis do mundo no Índice Dow Jones de Sustentabilidade por muitos anos. Queremos continuar a ter esse protagonismo no futuro. Portanto, estamos muito orgulhosos de termos conseguido isso juntos em um período de tempo tão curto”, disse Pieter Elbers, presidente e CEO da KLM.

O Flying-V é um projeto para uma aeronave de longa-distância com grande eficiência energética. O design da aeronave integra a cabine de passageiros, compartimento de carga e tanques de combustível nas asas, criando um formato em V. De acordo com os engenheiros, o consumo de combustível poderá chegar em 20% menor em comparação com as aeronaves mais avançadas existentes hoje.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta