Boeing recebe novos pedidos de conversão do 737-800

Em anúncio realizado ontem (21), a Boeing informou que recebeu mais dois pedidos firmes de conversão do Boeing 737-800 em cargueiro. Portanto, com as novas adições, a fabricante norte-americana conta atualmente com 134 pedidos para esse serviço.

O processo de conversão das aeronaves pode ser realizado de forma rápida, durando cerca de 90 dias. Ademais, a realização desse processo dobra a vida útil da aeronave em questão, que também possuem um consumo menor de combustível quando comparadas aos modelos mais antigos.

Continua após a publicidade

Durante a pandemia, o setor cargueiro da aviação ganhou destaque. Segundo a Boeing, o setor deve crescer quase 5% nos próximos 20 anos, além de um aumento de 75% nas frotas dedicadas à carga.

Dessa forma, para atender à demanda crescente, a Boeing decidiu inaugurar duas linhas de conversão no continente asiático. Uma Cingapura, que irá converter o Boeing 767-300, e outra na China, realizando o serviço no Boeing 737-800.

“O programa de conversão de cargueiros é uma excelente maneira de dobrar a vida útil de um avião, além de fornecer aos operadores uma maneira econômica de substituir cargueiros menos eficientes. Ao trabalhar com nossos parceiros para aumentar a capacidade de conversão dessas aeronaves, esperamos atender à forte demanda neste segmento do mercado e auxiliar nossos clientes a dimensionar suas operações.” disse Ihssane Mounir, vice-presidente sênior de Vendas e Marketing da Boeing.

Segundo a fabricante, as aeronaves cargueiras da Boeing são responsáveis por aproximadamente 90% da capacidade mundial de carga. Para se manter como líder no setor, essas novas opções tornam-se necessárias para aumentar a atratividade econômica, ao transformar modelos mais novos em cargueiros.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta