Azul quer adaptar mais três Embraer E-Jets em cargueiros

Após receber as certificações necessárias para iniciar as operações com o primeiro jato cargueiro Embraer E195 do mundo, a Azul pretende adaptar mais três aeronaves para o transporte de carga.

De acordo com a companhia, até o final do ano serão quatro E195 voando pela Azul Cargo, sendo que duas das quatro unidades serão dedicadas para uma empresa de e-commerce por um período de pelo menos seis meses.

Continua após a publicidade

O primeiro jato, matrícula PR-AYO, realizou no sábado (26) seu primeiro voo após ser incorporado à frota da divisão de cargas da Azul, na rota entre Campinas (VCP) e Teresina (THE).

John Rodgerson, CEO da Azul, destacou: “Estamos muito animados com a diversificação de nosso modelo de negócios proporcionada pela adaptação destas quatro aeronaves da Embraer. O tamanho, alcance, e performance do E195, resultam na combinação ideal de capacidade disponível em termos de peso e volume, além de um baixo custo por viagem, sendo ideal para o oferecimento de um serviço de logística eficiente com acesso a todo o pais.”

“Temos visto um forte aumento na demanda pelos serviços da Azul Cargo Express e procuramos sempre inovar para atender as necessidades de nossos clientes. Com estas aeronaves dedicadas, a capacidade que temos na maior malha aérea do Brasil, e com nossas parcerias, estamos bem posicionados para atender a demanda pelos nossos serviços de logística, especialmente nossos clientes de e-commerce. Nossas soluções logísticas tem o potencial de transformar o e-commerce no Brasil”, concluiu o executivo.

A frota atual da Azul Cargo é composta por dois Boeing 737-400F (PR-AJY e PR-AJZ) e até então pelo único E195 (PR-AYO). Além disso, a Azul possui cinco ATR 72-600 Quick Change, aviões de passageiros que podem rapidamente ser adaptados em cargueiros.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta