Lufthansa consolida-se como a maior operadora de 747 de passageiros no mundo

No ano em que a Lufthansa completa 50 anos de operações interruptas com o Boeing 747, a empresa consolida-se como a maior operadora no mundo do modelo configurado para o transporte de passageiros.

Por conta da crise mundial em razão da pandemia, muitas empresas aéreas que foram fiéis operadoras da Rainha dos Céus, anunciaram o fim dos serviços com o Jumbo. Somente neste ano, British Airways, KLM e Qantas encerraram às operações com o equipamento. Essas companhias aéreas mantiveram uma longa associação com o jumbo, operando com diversas variantes do modelo.

No ano de 1970, a Pan Am, decolava com o primeiro 747 produzido no mundo. Durante 22 anos a empresa operou com as aeronaves nas versões SP, 100 e 200. Naquele mesmo ano, a Lufthansa que foi à segunda operadora do modelo no mundo, recebia sua primeira aeronave 747-100, que foi colocada na rota entre Frankfurt a Nova York.

Cinquenta anos depois, a Rainha dos Céus ainda cruza o oceano ostentando as cores da companhia. Mesmo em época de pandemia, os jumbos alemães vem operando em diversos destinos no mundo, inclusive em São Paulo (GRU).

No meio do ano passado, a Lufthansa anunciou, aposentadoria de todos os Boeing 747-400 da sua frota até 2025. No entanto por conta da pandemia, a empresa antecipou a retirada das aeronaves. Dos treze Boeing 747-400, cinco já foram retirados de serviço.

Ao longo desses anos a empresa chegou a operar com 56 aeronaves nas variantes 100, 200, 400 e 800. Atualmente a Lufthansa conta com uma frota composta por oito Boeing 747-400 e 19 Boeing 747-8.

No atual cenário do mercado, os dias do Boeing 747 para passageiros estão contados. No entanto a Lufthansa continua acreditando no potencial da aeronave. Mesmo com a retirada dos modelos mais antigos, não existe planos para aposentadoria dos modernos 747-8, ao qual voa regularmente para o Brasil

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta