Korean Air registra lucro durante a pandemia

Últimos posts por Raphael Magalhães (exibir todos)

Para a maioria esmagadora das companhias aéreas, a atual pandemia resultou em um grande prejuízo. Empresas como Gol, Latam, Ryanair, American Airlines e United, registraram perdas nos últimos meses, ocasionadas pela repentina queda de demanda.

Entretanto, essa não é a realidade da Korean Air, maior companhia aérea sul-coreana. Com a ascensão dos voos cargueiros, a empresa conseguiu manter sua rentabilidade mesmo diante de uma situação de crise no setor.

No segundo trimestre do ano, a Korean Air registrou um aumento de 94,6% na receita cargueira, quando comparada com o mesmo período do ano passado. O setor de cargas da empresa foi responsável por 72,5% do total das receitas da companhia aérea, que no período registrou 1,4 bilhão de dólares.

Dessa forma, o aumento dos voos cargueiros compensaram a queda acentuada dos voos regulares de passageiros. Mesmo com a queda de 44% da receita total, os custos também diminuíram, o que possibilitou a empresa registrar um lucro operacional de 121,7 milhões de dólares nos três meses.

A Korean Air operou regularmente no Brasil até Setembro de 2016, quando encerrou as operações na rota Seoul (ICN) – Los Angeles (LAX) – São Paulo (GRU). Atualmente, a empresa ainda conta com voos regulares para o Brasil, mas apenas em voos exclusivamente cargueiros.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta