Emirates acredita recuperar todos seus destinos em um ano

Enquanto a pandemia não termina, resta para as companhias aéreas do mundo todo fazer planejamentos para o futuro próximo. Com as incertezas do avanço e conclusão das vacinas para solucionar o problema global, ainda há muita restrição de viagem em diversos países.

Conforme uma entrevista de um dos diretores da Emirates, o Adel al Redha para o canal CNBC, a principal companhia árabe prevê uma forte recuperação no próximo ano. De acordo com o executivo, ele prevê que até o verão IATA de 2021 a Emirates estará operando 100% dos seus destinos. Entretanto, não garante que as frequências serão as mesmas que antes da pandemia, já que depende da demanda.

Continua após a publicidade

Ao todo a companhia opera 143 destinos em todo o mundo. Inicialmente, está retornando as principais rotas com os Boeing 777 para posteriormente, introduzir os Airbus A380.

Desde que retornou ao mercado brasileiro com voos de passageiros, a Emirates vem operando com o Triple Seven. Não há previsão concreta ainda do Superjumbo para São Paulo (GRU). No início do mês, anunciou a saída definitiva do Rio de Janeiro (GIG), e consequentemente das capitais Buenos Aires (EZE) e Santiago do Chile (SCL) que eram servidas através de escala técnica na capital carioca.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta