Qatar Airways reembolsa passageira com mais de 19 milhões de dólares

Um pequeno (grande) acidente aconteceu no departamento financeiro da Qatar Airways. Uma passageira australiana solicitou reembolso de uma passagem, em classe executiva, de Jacarta (JKT) para Londres (LHR) cancelada devido à pandemia.

Estimado em cerca de U$ 2.000, o reembolso seria feito diretamente na conta da passageira, que ao consultar seu extrato, verificou que o valor depositado na realidade foi de 19,2 milhões de dólares, que em conversão direta, representam mais 102 milhões de reais.

Continua após a publicidade

Por sorte (ou azar da cliente), o erro foi percebido posteriormente pela própria Qatar Airways e pelo banco da passageira, que corrigiram o erro no dia seguinte. Este erro foi provavelmente ocasionado pela falta de conversão monetária na hora do reembolso, que ao invés de ser feita em Rúpia Indonésia, foi feita em dólar australiano.

“Isso pode parecer uma quantia bizarra de dinheiro para reembolsar quando o bilhete custa apenas cerca de US$ 2.800, mas a quantia não foi uma coincidência. Quando o primeiro voo deste bilhete partiu da Indonésia, a tarifa foi paga originalmente em rupia indonésia. A passagem aérea total, convertida em rupia indonésia, foi de 28.179.000 IDR”, disse a passageira.

Pelas cotações de hoje, se convertermos 28.179.000 dólares australianos em dólares americanos, chegamos bem próximo ao valor de 19,2 milhões de dólares americanos que foram creditados na conta da passageira, sugerindo que essa foi a causa do erro.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta