Qantas despede do Boeing 747 com desenho no céu

Encerrando uma história de praticamente 50 anos, o Boeing 747 deixou definitivamente a Qantas. Introduzido em sua frota em 1971, o Jumbo foi o ícone da companhia de bandeira da Austrália. Porém teve sua vida encerrada devido a pandemia.

Com excessão da mais nova versão, 747-8, a Qantas operou todas as versões do Jumbo. E nesta quarta-feira (22) foi a vez de despedir definitivamente em seu último voo, entre Sydney (SYD) e Los Angeles (LAX). Porém não foi uma despedida qualquer.

Continua após a publicidade

Alguns convidados puderam despedir o icônico jato em um evento em Sydney antes dele partir. Após a decolagem, desenhou no céu do país, a logomarca da Qantas: o famoso Canguru. Para conferir o voo basta clicar aqui.

O Boeing 747 mudou a Qantas. Ele mudou a aviação na Austrália. Ele mudou a aviação no mundo todo.

Alan Joyce, CEO da Qantas

Antes da retirada final, a Qantas preparou três voos especiais para que pudessem despedir do 747. Os voos saíram de Sydney (SYD), Brisbane (BNE) e Canberra (CBR) e tiveram apenas uma hora de duração. As vendas de passagens esgotaram com menos de uma hora.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

2 thoughts on “Qantas despede do Boeing 747 com desenho no céu

Deixe uma resposta