Japan Airlines pretende voltar à normalidade em Outubro

Últimos posts por Raphael Magalhães (exibir todos)

Apesar da pandemia ter reduzido a demanda aérea global, em alguns países já é possível se ter uma vida quase normal, incluindo o retorno das viagens domésticas, enquanto o mercado internacional ainda depende de uma recuperação maior.

No Japão, o último mês de junho foi marcado pela liberação do governo para todas as restrições para viagens domésticas, o que fez com que a demanda retornasse gradualmente, e em um ritmo acima do esperado.

A maior companhia aérea japonesa, Japan Airlines (JAL), divulgou que durante o mês de junho, com a liberação do governo, cerca de 30% da demanda doméstica japonesa retornou, quando comparado com o mesmo período de 2019. O valor chegou a 50% em julho, e segundo a previsão da empresa chegará a 80% em agosto,.

As previsões da JAL são ainda mais otimistas, ao anunciar que pretendem operar 100% da malha doméstica já no mês de Outubro, caso a demanda continue subindo no ritmo atual.

A companhia anunciou ainda que vai alocar aeronaves maiores para os voos com maior demanda, com o intuito de evitar que os mesmos decolem com 100% da capacidade, ao passo que as medidas de isolamento a bordo serão readequados e o assento do meio passou a ser comercializado novamente.

No tocante ao mercado internacional, a retomada ainda não acompanha o ritmo da doméstica, ao depender da liberação das fronteiras de outras nações.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!