Voos de testes para recertificação do 737 MAX começam essa semana

Ainda faltam algumas etapas para a Boeing conseguir a recertificação do seu novo modelo 737 MAX. Mas ao mesmo tempo falta pouco para o seu retorno aos céus. O jato ficou impedido de voar depois de dois acidentes fatais no ano passado. Porém poderá tornar-se o avião mais seguro do mundo para se voar com a Boeing se empenhando para comprar sua segurança.

Os voos de treinamento começarão a partir de amanhã (29) em uma jornada de três dias, que serão compostas por diversas situações de voo. Estes testes serão de extrema importância para a recertificação do 737 MAX, que terá como principal motivo observar as correções necessárias no MCAS.

Após os testes, serão recolhidos os dados de desempenho dos respectivos voos, e a Federal Aviation Administration (FAA) analisará para determinar se será necessário alguma correção adicional. Para realizar essa análise, a FAA poderá demorar pelo menos dois meses, e só assim o jato será capacitado para o voo de recertificação.

Na última semana, as autoridades aeronáuticas do Canadá e da Europa, sugeriram que a correção de outros problemas que não afetam a segurança de voo, poderão ser corrigidas futuramente. Desta forma, o 737 MAX seria capaz de retornar os voos mais rápido do que aguardar todo o cronograma necessário.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

3 thoughts on “Voos de testes para recertificação do 737 MAX começam essa semana

Deixe uma resposta