Norwegian Air cancela encomenda de 97 aeronaves Boeing

Em meio a atual crise causada pela pandemia que prejudicou grandemente o setor da aviação, além das companhias, a indústria aeronáutica perdeu diversas encomendas com a queda na demanda de voos em todo o mundo.

A companhia aérea low-cost Norwegian Air recentemente cancelou a encomenda de 97 aeronaves junto a fabricante Boeing, sendo: 92 aeronaves 737 MAX 8 e outras 5 aeronaves 787 Dreamliner. Além disso, a empresa busca obter uma compensação pelas perdas sofridas como resultado da imobilização do Boeing 737 MAX em março de 2019, após os dois acidentes fatais com o modelo.

Continua após a publicidade

Crise na Norwegian

Conforme noticiamos anteriormente, no mês de abril, quatro subsidiárias da empresa declararam falência. Não são de hoje as dificuldades enfrentadas pelo grupo, que foram se agravando com a pandemia e queda na demanda por voos.

As subsidiárias, sediadas na Suécia e na Dinamarca, empregavam um total de 4.700 pessoas, entre pilotos e comissários, que perderam seus empregos, são elas:

  • Norwegian Pilot Services Sweden AB
  • Norwegian Pilot Services Dinamarca ApS
  • Norwegian Cabin Services Dinamarca ApS
  • Norwegian Air Resources Denmark LH ApS

Com o fechamento das quatro subsidiárias, o quadro de tripulantes do grupo norueguês sofreu um corte de dois terços de seu efetivo.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe um comentário