Emirates pretende converter 10 Boeing 777-300ER para voos cargueiros

A companhia possui mais de 100 unidades do B777-300ER.

Se por um lado a demanda de passageiros caiu durante a pandemia, por outro lado a demanda de carga aumentou consideravelmente. Visando aproveitar esse mercado, a Emirates pretende converter temporariamente dez de seus Boeing 777-300ER de passageiros para a configuração cargueira.

Serão retiradas todas as 305 poltronas da classe econômica, totalizando mais de 3 mil assentos a serem removidos. A Emirates diz que após a remoção, cada aeronave poderá levar 17 toneladas a mais de carga.

“Converter nossas aeronaves de passageiros em ‘mini-cargueiros’ é certamente um sinal da alta demanda de carga”, afirma Ahmed Safa, vice-presidente sênior de divisão da Emirates Engineering. “Nossas equipes demonstraram resiliência, espírito inovador e se adaptaram rapidamente às necessidades do ambiente de negócios em transformação”, concluiu o executivo.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!