Emirates adiciona mais sete destinos à sua malha

No próximo dia 7 de julho, a cidade de Dubai, e consequentemente os Emirados Árabes Unidos, reabrirão as portas para os turistas estrangeiros, após um longo período com as fronteiras fechadas devido à pandemia.

Durante esse período, a Emirates, assim como a maioria das empresas aéreas no mundo, reduziram a frota e o número de destinos à um nível mínimo, para garantir apenas a malha essencial.

Com a reabertura gradual das fronteiras nos Emirados Árabes, e em algumas nações europeias, a empresa decidiu retomar com mais sete destinos já no mês de julho, além dos que já estavam programados anteriormente.

Com essas novas adições, a Emirates volta a operar em 48 destinos no total, ainda longe da quantidade antes da pandemia, mas com sinais positivos da retomada das viagens através do HUB da empresa em Dubai. Entre os dias 03 e 15/07, a empresa vai retomar as rotas previamente operadas de Dubai (DXB) para Amã (AMM), Atenas (ATH), Cartum (KRT), Lárnaca (LCA), Osaka (KIX), Roma (FCO) e Tóquio (NRT).

Para ajudar a transformar o ambiente de aeroporto e aeronave em algo mais seguro para os passageiros, a Emirates lançou um novo programa de ajuda ao combate da pandemia. Isso inclui um guia de segurança para todas as etapas da jornada, tanto em voo quanto durante a conexão em Dubai. Além disso, os passageiros recebem um kit de higiene que contém máscara facial, luvas, desinfetante para as mãos e toalhetes antibacterianos.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!