American Airlines pode interromper distanciamento social a bordo

Bloquear o assento do meio nas aeronaves que possuem mais de dois lugares por fileira passou a ser adotado pelas companhias aéreas americanas. A medida visa levar aos clientes uma sensação maior de conforto durante a pandemia, permitindo assim um distanciamento social a bordo.

Porém a prática no Estados Unidos pode estar acabando. A American Airlines pode interromper essa medida a partir do dia 1º de julho. Dessa forma permitirá que a companhia aérea trabalhe melhor com as reservas e que mais pessoas possam viajar.

A recomendação do bloqueio dos assentos do meio partiu da Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA). Mas as próprias fabricantes, Airbus, Boeing e Embraer, além de diversas companhias aéreas no mundo já garantiram que voar é seguro no ponto de vista sanitário. As aeronaves contam com filtros HEPA e o ar a bordo é renovado constantemente, permitindo que o interior seja mais limpo que uma sala de cirurgias.

O Contato Radar voou com a Azul e mostrou como está sendo voar no Brasil durante a pandemia, confira clicando aqui.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!