Thai Airways entra em processo de recuperação judicial

O governo Tailandês confirmou que sua ‘flag carrier’ Thai Airways International, vai começar um processo de recuperação judicial, que envolve o pedido de falência.

Um executivo confirmou à Reuters: “O planejamento do estado concordou o princípio a iniciar uma reabilitação na justiça, o dossiê vai ser encaminhado à corte responsável amanhã (19)” disse Narumon Pinyosinwat.

Equivalente ao pedido de Recuperação Judicial, ou ‘Chapter 11’, o pedido de falência na justiça vai substituir um plano anunciado antes de um pacote de resgate que seria cedido pelo governo. Agora o governo Tailandês vai distribuir 1,4 bilhões de dólares em meio a este processo de reestruturação que será iniciado.

A aérea nacional tem débitos estimados em US$ 2.8 bi, e fatalmente deverá reduzir drasticamente sua frota widebody que fazem os voos long haul.

A Thai tinha declarado ‘estado de emergência’ ao governo Tailandês desde Abril, quando a maioria dos voos internacionais foram proibidos de voar de e para a Tailândia.

É importante ressaltar que a aérea vem tendo perdas significativas desde 2013, sendo este apenas um golpe que pode ser fatal.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta