KLM testa novo equipamento sustentável para reboque de aeronaves

Boeing 737-700 da KLM durante testes com o novo veículo.

A companhia KLM iniciou testes no aeroporto de Schiphol, de formas mais sustentáveis ​​de taxiar aeronaves na pista. Esses testes foram realizados com um novo veículo de reboque híbrido chamado Taxibot, que, diferentemente dos tradicionais caminhões de reboque, tem permissão para rebocar os aviões desde o início da pista, sem que a aeronave precise dar partida nos motores.

O novo veículo deverá reduzir o consumo de combustível entre 50% e 85% durante o táxi das aeronaves. Inicialmente, além da KLM, as companhias Corendon e Transavia também tem acesso ao aparelho em fase de testes.

Continua após a publicidade

“É importante descobrir até que ponto as emissões de CO2 podem ser reduzidas usando o Taxibot”, explicou Jeroen Jaartsveld, gerente de projeto da KLM.

O processo para redução de emissões de carbono durante o táxi de aeronaves acompanha a iniciativa de sustentabilidade “Fly Responsably” e contribuirá para o cumprimento da meta da KLM de reduzir em 15% as emissões totais de CO2 de sua frota em comparação com o ano de 2005.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta