Delta pretende cortar parte da frota de Boeing 717

Após anunciar a retirada de três modelos da sua frota, os McDonnell Douglas MD-88, MD-90 e seus Boeing 777, chegou a vez do 717 ter uma parte retirada da Delta Air Lines. A maior companhia aérea americana pretende reduzir de 50% à 67% das unidades que possui do modelo.

Isso representa que de 88 Boeing 717 que atualmente possui, seriam reduzidos para 30 à 45 exemplares nos próximos anos. Porém segundo a revista Forbes, ainda não está definido se a retirada seria temporária ou definitiva.

A expectativa é que os Airbus A220 e A320 substituam-o em Nova York e o Boeing 737 em Minneapolis. No mês passado, a revista tinha especulado que os atuais Boeing 717 poderiam ser substituídos pelos 737 MAX em um acordo com a fabricante americana, pois o leasing desses 717 são da própria Boeing.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

One thought on “Delta pretende cortar parte da frota de Boeing 717

Deixe uma resposta