Delta desiste de quatro A350 da LATAM e pagará US$62 milhões por rescisão de contrato

A Delta e a LATAM encerraram nesta segunda-feira (25) o contrato de compra e venda de aeronaves que foi datado inicialmente em 6 de novembro de 2019. O contrato previa que a Delta se comprometia a comprar quatro Airbus A350 usados ​​da LATAM Brasil.

A Delta pagou US$ 15,5 milhões por cada A350 que não receberá da LATAM, totalizando US$ 62 mi. Embora isso seja uma fração do quanto um A350 custaria, ainda é muito dinheiro para ser simplesmente jogado fora para desfazer um acordo anterior. Os A350 que seriam repassados para a companhia americana seriam os de matrículas: PR-XTC, PR-XTD, PR-XTG e PR-XTM.

Além destas quatro unidades, a Delta assumiu uma encomenda de mais dez aeronaves do mesmo modelo a serem entregues diretamente pela Airbus à LATAM. Porém estes pedidos já foram transferidos no mês passado, tendo a Delta assumindo seis exemplares da versão 1000 e quatro da versão 900.

Apesar disso, a Delta e a LATAM continuarão com o acordo de joint venture, uma vez que a capacidade de parceria com a LATAM em vôos para a América Latina é um dos principais motivos da Delta para investir na companhia aérea.


Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!