Com redução de frota, Qatar pode deixar de operar o Airbus A380

Sabe-se que por conta da pandemia, companhias aéreas de todo o mundo tiveram uma redução drástica na demanda de passageiros, o que resultou em cancelamento de voos, estocagem de aeronaves e demissão ou afastamento temporário de funcionários.

Como noticiamos recentemente, o CEO da Qatar Airways Akbar Al-Baker disse que a empresa pretende diminuir a sua frota de mais de 240 aeronaves em cerca de 25%. Além de anunciar a redução da frota antes, hoje, o executivo revelou que a companhia pode deixar de voar os gigantes Airbus A380.

Atualmente, a Qatar Airways possui uma frota de 10 aeronaves A380, entregues entre setembro de 2014 e abril de 2018, a idade média da frota de gigantes é de 4.9 anos, aeronaves novas que podem nunca mais voar. A aposentadoria dos A380 da Qatar estava prevista para iniciar em 2024 e acontecer de forma gradual.

“A Qatar Airways está estacionando todos seus 10 Airbus A380 e eles não voltarão por pelo menos um ano, e talvez nunca” disse Al Baker durante uma entrevista coletiva para discutir os planos da companhia aérea.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta