GOL reduz pedidos do Boeing 737 MAX

A Boeing divulgou nesta terça-feira (14), uma redução de 307 encomendas na sua carteira de pedidos, com destaque para o Boeing 737 MAX, que obteve uma grande baixa no mês passado com a Avolon cancelando 75 pedidos do modelo. Porém, com a crise mundial provocada pelo novo coronavírus Covid-19, mais empresas estão revisando seus projetos futuros.

É o caso da brasileira GOL, que na lista divulgada, aparece com uma redução de 34 unidades do novo Boeing 737 MAX. A companhia brasileira, possui sete unidades do MAX 8 parados em Confins (CNF) e outros 13 nos EUA já montados, aguardando a recertificação do modelo. A GOL tinha cerca de 130 pedidos totais, dos modelos MAX 8 e MAX 10.

Ao todo, a Boeing perdeu 150 pedidos da nova geração do 737 em março. Outros pedidos de cancelamento somam os modelos 737 P-8 (versão militar) 767 cargueiro e 787 Dreamliner.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

One thought on “GOL reduz pedidos do Boeing 737 MAX

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!