A chilena Sky planeja reiniciar seus voos gradualmente

A low cost chilena Sky, informou que devido a um cenário altamente variável  e incerto, deverá estender a suspensão de seus voos regulares durante o mês de maio e a reativação será gradualmente iniciada com os voos domésticos no Chile. 

A suspensão dos voos regulares seria até 30 de abril. No entanto, devido as novas projeções considerada o período mais crítico da pandemia no país, o governo revogou a extensão da quarentena até 1º de junho, informou o CEO da Sky José Ignacio Dougnac.

Atualmente a empresa vem realizando voos cargueiros e alguns fretamentos de passageiros associados à mineração. A Sky não deu maiores detalhes sobre a retomada dos voos em 1º de junho, não se sabe ao certo se serão todos os destinos servidos no país com redução de frequências diárias ou apenas voos semanais.

Em relação aos destinos internacionais, a companhia aérea manterá suspensas até 28 de junho. A extensão da medida responde ao objetivo de avaliar e considerar medidas e regulamentos estrangeiros nos países onde a empresa opera, incluindo o Brasil.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!