KLM antecipa aposentadoria do Boeing 747 diante crise do COVID-19

Últimos posts por Rafael Borba (exibir todos)

Domingo, 29 de Março de 2020, 14:32h (UTC), pousa em Amsterdam o voo KLM686 entre Cidade do México e Amsterdam operado pelo Boeing 747 de registro PH-BFT, este marcando o fim de uma era na companhia, sendo o último voo regular de passageiros da holandesa operado pelo Boeing 747.

A KLM foi uma fiel operadora do Boeing 747, obtendo 56 aeronaves deste modelo desde 1971, a companhia operou a rainha do céus nas versões -200, -300 e -400. Ao longo desses 49 anos de operação na KLM um acidente envolvendo dois Boeing 747, sendo um da companhia holandesa e um da americana PAN AM, marcou a história da aviação mundial, o famoso acidente de Tenerife.

A aposentadoria do Boeing 747 na KLM estava prevista para acontecer apenas em 2021, porém devido a epidemia do novo coronavírus e a redução da malha aérea mundial a aposentadoria foi antecipada. Levando em consideração a alta confiabilidade dos motores aeronáuticos atuais, este deve ser o cenário dos próximos anos, fazendo com que os quadrijatos deixem de voar cada vez mais cedo.


Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido pelo Contato Radar!