Qantas deixará de voar com o Boeing 747-400 para o Chile

Últimos posts por Raphael Magalhães (exibir todos)

Empresa anunciou mudanças na rota entre Sydney e Santiago do Chile.

A partir de junho de 2020, o Boeing 747 da Qantas deixará de realizar a rota sem escalas entre Santiago do Chile e Sydney, na Austrália. A mudança foi anunciada hoje pela empresa, que passará a operar com o Boeing 787-9 Dreamliner na rota.

Apesar da redução de equipamento, o número de frequências semanais aumentará de quatro para sete, tornando o voo diário. Essa será uma grande vantagem competitiva da Qantas em relação à LATAM, que recentemente iniciou voos na mesma rota, mas apenas três vezes por semana. Na prática, a Qantas aumentará em cerca de 13% a oferta de assentos na rota, uma vez que a quantidade semanal ofertada subirá de 1.456 para 1.652 assentos.

Boeing 747-400 Qantas QF B744

O último voo com a ‘Rainha dos Céus’ está programado para partir de Sydney às 12h35 do dia 23 de Junho, chegando em Santiago às 11h10 do mesmo dia. No sentido contrário, o voo QF 28 decolará de Santiago às 13h30 do dia 23, chegando em Sydney às 17h50 do dia seguinte. A mudança de equipamento ainda está sujeita à aprovação governamental.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta