Boeing 737 MAX deve voltar a voar depois de setembro

A aeronave Boeing 737 MAX não deve voltar a voar antes do final de setembro.

Conforme as informações da Air Transport World (ATW), a Boeing terá que solucionar um novo problema encontrado no sistema de controle de voo (FCC) do 737 MAX e finalizar algumas mudanças necessárias para que a frota volte a voar com segurança.

Boeing-737-Max-8-720
Foto: Boeing

“Estamos trabalhando na atualização do software necessário e nas implicações disso ao cronograma de retorno do 737 Max em segurança, tanto para as companhias aéreas que já contam com a aeronave como para aquelas que aguardam entregas. De acordo com a nossa avaliação, o pacote final para a certificação da FAA será entregue até o fim de setembro”, disse um executivo da Boeing à ATW.

A Boeing está confiante de que os problemas sejam resolvidos com a atualização do software, caso não resolva, existe uma alternativa que será a substituição dos chips de computador em mais de 400 737 MAX, podendo atrasar o retorno do modelo.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta