Primeiro 777-9 da Lufthansa deixa linha de montagem da Boeing

Terceiro 777-9 aguarda instalação dos motores e pintura para participar da campanha de testes do programa 777X.

O primeiro 777-9 da Lufthansa deixou a linha de montagem da Boeing no Paine Field, em Everett, Washington. O terceiro 777X (WH003) se juntou a rampa de testes da fabricante norte-americana na noite da quarta-feira, 12 de junho.

As duas primeiras unidades de testes do 777-9, matrícula N779XW (WH001) e N779XY (WH002), já estão na área externa da fábrica. Ainda sem os motores instalados o WH003 receberá em breve a matrícula N779XY e se juntará a campanha de testes do programa 777X.

IMG_3328
WH003 ainda na linha de montagem do 777X.

A Boeing pretende realizar o primeiro voo do Boeing 777-9 no fim deste mês, mas problemas detectados no motor GE9X podem alterar a programação.

O 777-9 possui 77 metros de comprimento e 72 metros de envergadura, podendo acomodar de 400 a 425 passageiros, oferecendo um alcance de 7.600 milhas náuticas (14.075 km).

A Lufthansa possui encomenda para 20 777-9, a aérea alemã será a lançadora do modelo no continente europeu, a primeira entrega deve ocorrer em meados de 2020.

Abaixo o registro fotográfico do terceiro 777-9, o primeiro da Lufthansa.

https://twitter.com/jenschuld/status/1139213178775060481?s=21

 

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta