Governo mexicano coloca à venda Boeing 787 presidencial

Vender a aeronave presidencial foi uma das promessas de campanha de Andrés Manuel López Obrador, novo presidente mexicano.

O novo presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador anunciou no último sábado (02), por meio do Banobras – Banco Nacional de Obras e Serviços Públicos do México, a venda da aeronave presidencial mexicana.

Continua após a publicidade

Em entrevista coletiva no hangar onde estava o Boeing 787, o diretor do Banobras, Jorge Mendoza, anunciou a intenção do novo mandatário de vender a aeronave presidencial. Durante a campanha à presidência, essa foi uma das promessas de López Obrador.

IMG_2872

O Dreamliner executivo foi comprado pelo governo mexicano em 2012, durante o mandato de Felipe Calderón, e entregue em fevereiro de 2016. O custo da aeronave foi de US$ 218, 7 milhões.

O Boeing 787-8 com matrícula XC-MEX, já está no aeroporto americano de Victorville, no sudeste do estado da Califórnia e aguarda seu novo comprador.

IMG_2869

Segundo o secretário da Fazenda e Crédito Púbico do México, Carlos Urzúa, cerca de 60 aviões e 70 helicópteros que pertencem ao governo federal serão colocados à venda nos próximos meses.

Fotos do interior da aeronave

IMG_2873
Foto: SHCP
IMG_2874
Foto: SHCP

IMG_2875
Foto: SHCP

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta