Virgin Australia anuncia compra de dez Boeing 737 MAX 10

A companhia Virgin Australia Group anunciou a compra de dez unidades do Boeing 737 MAX 10.

O modelo é o maior da familia Boeing 737 MAX. A operadora converteu dez pedidos para o 737 MAX 8 para o maior modelo MAX 10.

Boeing_737MAX-10_01-960x640
Foto – Boeing

Conforme o pronunciamento da Boeing, o 737 MAX 10 deve ser certificado para operações comerciais até 2020. A previsão é que uma parte da frota chegue até 2022.

Segundo a Virgin, o 737 MAX 10 fornece maior capacidade de passageiros que o modelo anterior, que pode variar de 188 a 230 passageiros e também é a aeronave mais pesada da série, capaz de decolar com 92.000 kg.

O Diretor Financeiro da Virgin Australia Group, Geoff Smith, comentou: “Temos o prazer de dar as boas vindas ao 737 MAX 10 em nossa frota em expansão em 2022. A adição do 737 MAX 10 nos fornecerá mais flexibilidade e capacidade para suportar nossa rede e operações Estamos orgulhosos por nos tornarmos os primeiros operadores do 737 MAX e esperamos ansiosamente pelas oportunidades que a operação desse tipo de aeronave nos abrirá.”

“Estamos empolgados em expandir nossa parceria com o Virgin Australia Group, que pretende introduzir o 737 MAX 10 em sua frota de classe mundial”, disse Ihssane Mounir , vice-presidente sênior de Vendas Comerciais e Marketing da The Boeing Company.

A Virgin Australia se junta a mais de 20 clientes que fizeram mais de 500 pedidos do Boeing 737 MAX 10.

Compartilhe nas redes sociais

Acesse o Fórum Contato Radar para mais informações sobre a aviação no Brasil e no mundo clicando aqui!

Deixe uma resposta